Compartilhe o Valor Comunica

Edit Template
Anúncio

DELEGADO REGIONAL DE JANAÚBA ALERTA E ORIENTA POPULAÇÃO SOBRE A CRESCENTE ONDA DE GOLPES NA INTERNET

Entre eles estão o golpe do nude e do falso delegado no qual ele teve a sua imagem utilizada

Por: Luiz Cabrine, Portal Web Valor Comunica, Janaúba-MG

O Delegado Regional de Polícia Civil em Janaúba, Ricardo Esthévan Fernando Augusto do Amaral, concedeu uma entrevista exclusiva ao Portal Web Notícia Valor Comunica alertando a população sobre a crescente onda de golpes na internet. De acordo com o delegado, as organizações criminosas estão cada vez mais especializadas em crimes digitais acompanhando a evolução tecnológica nas plataformas, como as redes sociais, que são terreno fértil para práticas criminosas. Ele alerta que, nos últimos anos, os golpes realizados no mundo digital não apenas aumentaram, mas também diversificaram seus tipos.

O delegado destaca o golpe do falso perfil do WhatsApp, um dos golpes mais praticados. Os criminosos utilizam a foto da vítima como imagem de perfil do aplicativo de conversa dela em uma conta falsa e, a partir disso, passam a entrar em contato com familiares e amigos solicitando quantias em dinheiro. O delegado orienta os cidadãos a checarem o contato que está ligando e certificar se a pessoa realmente mandou mensagem no seu WhatsApp, além de verificar o nome do titular da conta que está recebendo a transferência.

Outro golpe mencionado pelo delegado é o do nude, realizado através de redes sociais ou sites de relacionamentos. Os criminosos criam um perfil falso com uma foto de uma menina bonita, passam a conversar com a possível vítima e, após conseguir o contato no WhatsApp e nas mensagens de aplicativos, fazem troca nudes. Depois, uma outra pessoa se passa pelo pai da suposta menina menor de idade, acusando a vítima de crime de pedofilia e exigindo determinada quantia em dinheiro. Em um novo desmembramento desse golpe, a vítima é chantageada e ameaçada com a possível divulgação de suas fotos e vídeos.

Falso delegado

O delegado Regional revelou ao Portal Valor Comunica que já teve a sua imagem utilizada nesse golpe, e para alertar sobre o crime recorreu à sua página no Facebook a título de informação. Na plataforma ele informa que caso alguém entre em contato se passando por ele, tratando sobre a não expedição de mandado de prisão ou visando impedir uma investigação, que tudo não passa de um golpe. Inclusive, até o número de seu celular foi disponibilizado no Facebook e conta que já recebeu várias ligações de pessoas diversas que foram vítimas e outras que não caíram por graças à mensagem de alerta na referida rede social.  Ele afirma que os criminosos são tão audaciosos que criam cenário de um ambiente semelhante ao de um gabinete de delegado com símbolos da Polícia Civil, para extorquir as vítimas.

Delegado Regional, Ricardo Amaral.

Ricardo Amaral ainda alerta que a Polícia Civil nunca liga, nem manda mensagem pedindo dinheiro para nenhuma ação, como expedir mandado de prisão ou não. Ele esclarece que isso é de competência de juiz e que as pessoas devem desconfiar de quem solicita dinheiro em nome da polícia. O delegado orienta as vítimas a procurarem a delegacia de polícia para tomarem as devidas providências e informa que a vergonha não deve ser um empecilho para isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncio

Outras Notícias

Fique informado com o Valor Comunica

Anúncio
////// Ads

Receba notícias direto no seu email

Comunicação e informação que constrói valor para você.

Compartilhe o Valor Comunica

WhatsApp
Pinterest
Facebook
Telegram

2023 © Todos os direitos reservados.