Compartilhe o Valor Comunica

Edit Template
Anúncio

A importância do Ser Singular para nós enquanto quilombolas 

Por: Cátia Gomes Chaves e Cássia Gomes Chaves

Foto arquivo pessoal: As acadêmicas do curso de História da Unimontes, Cátia e Cássia, jovens do Projeto Ser Singular de Brasília de Minas.

Nos chamamos Cássia Gomes Chaves e Cátia Gomes Chaves somos irmãs gêmeas e moramos na comunidade Quilombola Bom Jardim da Prata na cidade de São Francisco, atualmente acadêmicas da Universidade Estadual de Montes Claros MG (Unimontes) campus São Francisco cursando o curso de História. Vivemos aqui desde que nascemos, nossos avós por parte de pai José Geraldo e Laura Silva sempre moraram aqui na comunidade, nossos pais também Antônio Pereira Chaves e Janete Gomes dos Santos Chaves. Hoje em dia temos escola e meio de transporte que leva e traz os alunos, antigamente as aulas eram dadas num barraquinho de pau a pique ou tinham que ir para cidade, temos também uma Igreja que o Santo de devoção é São Sebastião construída pelo Padre Vicente que faleceu no ano de 2021, tem um posto artesiano que joga água para todos moradores da comunidade, as casas já não são mais de pau a pique. Aqui tem algumas manifestações culturais como dança do Carneiro, São Gonçalo, folias de Santos Reis e São Sebastião, ambas festejados no mês de Janeiro. Como nossa região é Cerrado temos aqui pés de pequi, baru, jatobá, favela, tingui, sucupira, pau perero, jenipapo, mancabira, entre outras, há moradores que plantam vazante onde são colhidos abóboras, milho, e feijão tem alguns que pescam, e outros também fazem oficina de mandioca, colhem, rapam e torra a farinha depois tira tapioca e fazem beijus. Demorou bastante para que nós desenvolvesse um sentimento de pertencimento e do que é ser quilombola, tudo isso pela falta de conhecimento e a carência muito grande no incentivo à preservação dos valores e costumes da comunidade, os próprios moradores daqui não tem essa noção gerando assim a desvalorização das manifestações culturais existentes. Uma outra realidade presente aqui na nossa comunidade é a saída dos nossos jovens para longe a procura de trabalho, às vezes nem terminam os estudos direito e vão trabalhar nas firmas plantando e colhendo alho, cebola, e batatas ou terminam os estudos e ficam aí parados, enquanto isso o pessoal mais velho são os que ainda preserva as tradições e nossos costumes, mas a maioria já não estão tão bem de saúde por causa da idade diminuindo a participação nos grupos das manifestações culturais com riscos até de desaparecimento dessas manifestações e isso é algo muito preocupante, enquanto quilombolas filhas e sobrinhas de foliões pensávamos que poderíamos fazer para mudar essa triste realidade daqui do Quilombo . Foi então que conhecemos a coordenadora do Ser Singular de Brasília de Minas, Ilma Queiroz. Vendo o belíssimo trabalho que ela faz com grupos culturais tradicionais despertou em nós essa vontade gritante que tínhamos de fazer mais pela nossa comunidade e ela nos deu esse encorajamento para irmos a fundo, a mesma nós explicou o que é ser Singular, são pessoas que amam a cultura e lutam em prol dela e nos fez entender que todos nós produzimos cultura, porém só alguns fazem acontecer atuando de forma afirmativa. Nesse sentido, hoje fazemos parte da equipe do projeto Ser Singular de São Francisco, trabalhamos com Projeto de Pesquisa. Fazer parte desse projeto está sendo algo maravilhoso de suma importância para nós e nossa comunidade Quilombola, através dele estamos enxergando que é possível sim ajudar as famílias de nossa comunidade correndo atrás de recursos, e que participando de capacitações e eventos culturais somos capazes de elaborar projetos de pesquisa que atendam as demandas da nossa comunidade. Com isso nossa vontade de fazer oque é certo e lutar pelo que é nosso por direito cada vez mais está sendo fortalecido.

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncio

Outras Notícias

Fique informado com o Valor Comunica

Anúncio
////// Ads

Receba notícias direto no seu email

Comunicação e informação que constrói valor para você.

Compartilhe o Valor Comunica

WhatsApp
Pinterest
Facebook
Telegram

2023 © Todos os direitos reservados.